Caixa de texto:

O Programa

 

Cozinha Brasil - Alimentação Inteligente

 

           Preparar alimentos de forma racional, econômica e sem desperdícios é uma forma de minimizar o problema da fome no Brasil. Partindo dessa premissa, o Conselho Nacional do Sesi desenvolveu o Programa Cozinha Brasil – Alimentação Inteligente, em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, tornando-se mais uma ação do Programa Fome Zero, do Governo Federal, com apoio das Federações das Indústrias e Departamentos Regionais do Sesi de todo país, capacitarão 10.500 mil pessoas até o final deste exercício e 100 mil até 2006.

           O programa visa assegurar um processo educativo permanente, destinado a fazer do ato de produzir, preparar o alimento, uma cultura promotora de saúde, bem estar, geração de renda e desenvolvimento com sustentabilidade.

O 'Cozinha Brasil' pretende mudar o comportamento da população no que se refere a hábitos alimentares e propiciar o aproveitamento integral dos alimentos. No Brasil 30% dos alimentos são perdidos e esse Programa é um dos caminhos encontrados para discernir a educação alimentar e erradicar a fome e a desnutrição no país.

Além disso, o Programa vai orientar e conscientizar a população sobre captação, tratamento, armazenamento e consumo da água – essencial para a manutenção das condições de saúde e de produção.

  Por meio de unidades móveis, cozinha experimental pedagógica projetada para ensinar, por meio de cursos a populações como preparar alimentos de baixo custo e alto valor nutritivo, utilizando os alimentos de forma integral, preferencialmente com receitas que utilizem produtos da própria região, respeitando as diversidades culturais.

O Objetivo é que cada pessoa treinada pelo Cozinha Brasil possa tornar-se um multiplicador, levando para as comunidades, para o lar e para a empresa os conhecimentos adquiridos acerca de uma alimentação inteligente.

Cozinha Brasil prevê duas modalidades de cursos que serão ministrados nas unidades móveis que percorrerão os municípios atendidos pelo Programa. Curso de educação alimentar, com carga horária de 10 horas, que serão oferecidos à população em geral; e curso de capacitação de multiplicadores. Com carga horária de 24 horas, o curso para multiplicadores  é especifico para pessoas que desejam transmitir o conhecimento aprendido para sua comunidade. O treinamento oferecido pelo Cozinha Brasil tem como material didático o livro Alimente-se Bem com R$ 1,00, editado pelo SESI São Paulo, distribuído gratuitamente aos participantes.

           A primeira fase do Programa contou com a participação de empresas como a Petrobrás, Banco do Brasil e  Companhia Brasileira de Alumínio.